Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

Programa nº 734

>>A imprensa e os novos pecados
>>Hoje na televisão

Por Luciano Martins Costa em 11/03/2008 | comentários

Ouça aqui

Download

A imprensa e os novos pecados

Os jornais brasileiros publicaram como curiosidade a notícia sobre os novos pecados anunciados pelo Vaticano, mas não deixaram de procurar esclarecer o leitor sobre o significado das novas preocupações da mais influente igreja cristã.

Dos grandes diários, apenas o Globo limitou-se ao aspecto mais visível do documento da igreja, aquele que se refere aos pecados contra o meio ambiente.

O Estado de S.Paulo e a Folha deram mais atenção ao tema, ouvindo teólogos e procurando explicar a tentativa de atualização das autoridades religiosas.

Ainda assim, permanece na leitura um tom de distanciamento, como se a igreja estivesse apartada do mundo real.

Basicamente, a manifestação da hierarquia católica se refere a comportamentos sociais que, no ambiente globalizado, têm conseqüências mais amplas, como o tráfico de drogas, a desigualdade social e ações antiecológicas.

A manipulação genética, também citada pelas autoridades eclesiásticas, entra no rol dos pecados ‘como o Pilatos no credo’: trata-se de um marco histórico da manifestação da Igreja, uma vez que tanto a destruição do meio ambiente como a cultura das drogas estão aí há muito tempo, mas a pesquisa genética com embriões é uma prática científica do século XXI.

Quanto à acumulação exagerada de riquezas, que agrava a desigualdade social, também incluída no rol dos novos pecados, espera-se que os jornais ouçam também o outro lado, ou seja, que dêem a oportunidade da penitência a bilionários como Warren Buffett, Carlos Heluf, Bill Gates e Eike Batista.

Eles devem estar preocupadíssimos com o fogo do inferno.

O Estadão faz questão de esclarecer que a nova lista do Vaticano não exime os católicos da obediência às outras restrições.

Assim, o leitor e ouvinte fica advertido de que ainda são pecados capitais a gula, a luxúria, a avareza, a ira, a soberba, a inveja, e a preguiça.

Apesar de essas práticas parecerem hoje em dia bastante comuns, ainda são consideradas desvios ou ‘ofensas a Deus’ porque, segundo explica o jornal, ‘ferem a natureza do homem e atentam contra a solidariedade humana’.



Foi um fato raro, mas apenas a Folha noticiou que o representante da igreja se referiu também a outro desvio que se agrava com a globalização e o crescimento da internet: a pedofilia.

Hoje na televisão

A divulgação, pelas autoridades da igreja católica, daquilo que o Vaticano considera como os novos pecados sociais, pega a imprensa brasileira envolvida nos debates sobre a nova lei da Biossegurança, contra a qual os religiosos mobilizam suas forças de convencimento.

Mas o noticiário se desviou do tema central para dar espaço a discussões entre duas visões de mundo que durante toda a história da humanidade andam em linhas paralelas: a fé e a ciência.

A imprensa se distanciou recentemente do jornalismo científico e colocou a questão da pesquisa com células-tronco de embriões no noticiário político.

Discute-se, afinal, se o Congreso vai legislar de acordo com a ciência ou sob os limites da religião.

Alberto Dines:

– O debate é sério, travado com civilidade como convém, mas não se pode esquecer que a discussão sobre o uso científico das células-tronco embrionárias nada tem de científico. Trata-se, na verdade, de um confronto entre dogmas religiosos e a busca da verdade. Em última análise é um debate sobre liberdade e repressão. Este será o assunto desta noite do ‘Observatório da Imprensa’ com a presença de cientistas, representantes do governo, jornalistas especializados na cobertura científica e o ex-Procurador Geral da República, Cláudio Fonteles autor da ação de inconstitucionalidade da Lei de Biossegurança. Hoje à noite, às 22:40, ao vivo pela TV-Cultura e pela TV Brasil.

Todos os comentários

  1. Comentou em 03/04/2008 valdir timóteo leite

    “A luta dos religiosos contra os pacientes que precisam das pesquisas é injusta desumana e desigual”, “A Igreja é um império que tem acesso às autoridades de todo o país tem dinheiro para fazer campanhas contra as pesquisas e faz valer sua vontade’
    Os doentes acamados são invisíveis,eles sobrevivem presos em suas casas ou em um leito dos hospitais e milhares deles Ninguém nem sabe que eles existem,esses não conseguem se defender e expor as suas vontade a favor das pesquisas a sociedade,pois eles não tem dinheiro e condições físicas para lutarem contra o imperialismo dos bondosos DE BATINA E DE ALGUNS CARREGADORES DE BÍBLIA que dizem estar defendendo a vida humana.’ESTÃO DEFENDENDO O SOFRIMENTO ISSO SIM ‘Acreditamos que a esperança dos pacientes e o desenvolvimento da ciência não podem ser sufocados por uma minoria de religiosos que são os que detém o poder,papa, cardeais, bispos e a minoria dos padres que são obrigados a seguirem a ditadura interna da igreja se não são expulso Em um balanço geral 85% da população aprovam as pesquisas com células tronco-embrionárias,porque sabem que se as pesquisas não avançarem eles próprios serão as vítimas,e sabem que as religiões não dão nada a ninguém,quando dão é porque tiraram de alguém A Lei de Biossegurança foi aprovada por 96% dos senadores e 85% dos deputados federais depois de um longo debate. E foi sancionada pelo presidente lula.

  2. Comentou em 02/04/2008 valdir timóteo leite

    prezados amigos deste conceituado fórum agora dia 5 DE ABRIL FAREMOS UM ATO EM DEFESA DAS PESQUISAS COM CÉLULAS-TRONCO EMBRIONÁRIAS. É hora de sairmos nas ruas para lembrar que LUTAMOS PELA VIDA E TEMOS PRESSA não podemos ficar dependentes de apenas orações! precisamos dos nossos cientistas trabalhando para encontrarem curas reais como sempre fizeram em toda a história da ciência Por isso, convidamos a todos para uma caminhada em defesa das pesquisas com células-tronco embrionárias NESTE SÁBADO, 5 DE ABRIL, A PARTIR DAS 13 HORAS Escolhemos essa data – 5 de abril porque fará exatamente um mês que o julgamento das pesquisas com células-tronco embrionárias foi adiado. JÁ TEMOS DOIS VOTOS FAVORÁVEIS, FALTA POUCO! Atos semelhantes serão feitos em Brasília e em outras cidades; espalhe essa idéia! ROTEIRO DA MANIFESTAÇÃO EM SÃO PAULO: Concentração a partir das 13 horas, em frente ao Teatro Municipal (Praça Ramos de Azevedo, METRÔ ANHANGABAÚ – SAÍDA PELA XAVIER DE TOLEDO) Partida às 14 horas do Teatro Municipal passando pelo Viaduto do Chá e em frente à Prefeitura de são paulo Termino no Largo São Francisco, em frente à Faculdade de Direito São Francisco LEVAREMOS FLORES, SOLTAREMOS BALÕES BRANCOS É HORA DE AÇÃO QUANTO MAIS GENTE, MELHOR! CONTAMOS COM A PRESENÇA E DE TODOS QUE QUE APOIAM AS PESQUISAS COM CÉLULAS-TRONCO EMBRIONÁRIAS.
    ESSA É UMA LUTA DE TODA A SOCIEDADE.

  3. Comentou em 01/04/2008 valdir timóteo leite

    prezados amigos deste conceituado fórum agora dia
    5 DE ABRIL FAREMOS ATO EM DEFESA DAS PESQUISAS COM CÉLULAS-TRONCO EMBRIONÁRIAS.
    É hora de sairmos nas ruas para lembrar que LUTAMOS PELA VIDA E TEMOS PRESSA não podemos ficar dependentes de apenas orações!
    precisamos dos nossos cientistas trabalhando para encontrarem curas reais como sempre fizeram em toda a história da ciência.
    Por isso, convidamos a todos para uma caminhada em defesa das pesquisas com células-tronco embrionárias NESTE SÁBADO, 5 DE ABRIL, A PARTIR DAS 13 HORAS.
    Escolhemos essa data – 5 de abril – porque fará exatamente um mês que o julgamento das pesquisas com células-tronco embrionárias foi adiado. JÁ TEMOS DOIS VOTOS FAVORÁVEIS, FALTA POUCO! Atos semelhantes serão feitos em Brasília e em outras cidades; espalhe essa idéia!

    ROTEIRO DA MANIFESTAÇÃO EM SÃO PAULO:
    – Concentração a partir das 13 horas, em frente ao Teatro Municipal (Praça Ramos de Azevedo, METRÔ ANHANGABAÚ – SAÍDA PELA XAVIER DE TOLEDO)
    – Partida às 14 horas do Teatro Municipal passando pelo Viaduto do Chá e em frente à Prefeitura de são paulo
    – Termino no Largo São Francisco, em frente à Faculdade de Direito São Francisco.

    LEVAREMOS FLORES, SOLTAREMOS BALÕES BRANCOS

    É HORA DE AÇÃO! QUANTO MAIS GENTE, MELHOR!

    CONTAMOS COM A PRESENÇA E DE TODOS QUE QUE APOIAM AS PESQUISAS COM CÉLULAS-TRONCO EMBRIONÁRIAS.

  4. Comentou em 13/03/2008 valdir timóteo leite leite

    será que um simples cidadão pode opinar entre pessoas tão sábias ?
    puxa vida viu,será que somente eu sei quando começa a vida…
    todos se esqueceram que a vida começa do barro ?
    Bom pelo menos é isto que esta na bíblia ,Deus fez o homem do barro,tirou uma costela do homem e fez a mulher,Deus foi o primeiro cientista do mundo,partindo desta história que a igreja conta como verdade e até hoje não provou isto a ninguém,a igreja não deveria estar impedindo o trabalho das comunidades científicas que são os que podem buscar a verdade da nossa origem e com provas materiais nos mostrarem onde começa a vida e onde termina a vida,segundo a igreja a vida continua após a morte e até hoje ainda não provou isto.
    E os cientistas vem provando através de suas pesquisas que podem curar doenças e diminuir muito o sofrimento de milhões de pessoas e melhorar a qualidade de vida da humanidade,e a igreja esta sendo neste processo a barreira principal da busca da verdade e da cura de doenças…
    resumindo a igreja quer impedir as pesquisas com crenças…

    os cientistas trabalham com possibilidades e buscam fatos ou seja é só analisar quantos medicamentos e terapias e curas de doenças a ciência produziu e comparar com os que a igreja produziu se é que produziu algum.
    nesse sentido digo sim as pesquisas com células-tronco embrionárias a igreja não pode impedir a ciência com suposições e crenças

  5. Comentou em 12/03/2008 Marco Antônio Leite

    Senhor Padre prestar serviço a comunidade através apenas de palavras não significa nada, muito ao contrario, no código penal é considerado como artigo 171(estelionato).

  6. Comentou em 11/03/2008 valdir timóteo leite timóteo

    ESPERO URGENTEMENTE QUE O AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE SOBRE AS PESQUISAS COM CÉLULAS TRONCO EMBRIONÁRIAS VOLTE,AINDA ESTE MÊS,PARA A PAUTA DE JULGAMENTOS DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.A VIDA NÃO PODE ESPERAR E INFELIZMENTE A MORTE NÃO DÁ TRÉGUAS,NEM PEDE VISTAS.
    CASO O SUPREMO VENHA A PROIBIR AS PESQUISAS SERÁ O MAIOR ERRO COMETIDO CONTRA A VIDA DE MILHÕES DE PESSOAS E ESTARÃO PENALIZANDO PRINCIPALMENTE AS CLASSES MAIS POBRES DA SOCIEDADE BRASILEIRA,OS RICOS PODERÃO IR A OUTROS PAÍSES PARA RECEBEREM ESSAS TERAPIAS CELULAR . E OS POBRES QUE SÃO A GRANDE MAIORIA TERÃO QUE CARREGAR A CRUZ QUE A IGREJA ESTA FIXANDO EM NOSSAS COSTAS, NOS TIRANDO O DIREITO A ESPERANÇA DE UMA VIDA COM MENOS SOFRIMENTO ISTO SIM É CAMPANHA CONTRA A VIDA,O QUE A IGREJA ESTA FAZENDO É CAMPANHA A FAVOR DO SOFRIMENTO E A FAVOR DO RETROCESSO . LEMBRANDO TAMBÉM QUE A NOSSA COMUNIDADE CIENTÍFICA NÃO SÃO ASSASSINOS DE CRIANCINHAS COMO A IGREJA ESTÃO TENTANDO JUNTAR PESQUISAS COM CÉLULAS-TRONCO EMBRIONÁRIAS COM O ABORTO QUE SÃO COISAS TOTALMENTE DIFERENTES. E AS PESSOAS MAIS INDICADAS E QUALIFICADAS PARA ESCLARECEREM ONDE COMEÇA E ONDE TERMINA A VIDA SÃO OS CIENTISTAS QUE PROVAM MATERIALMENTE ENQUANTO A IGREJA TENTA IMPOR AS IDÉIAS DELA ATRAVÉS DA FÉ NADA CONCRETO,POIS A FÉ TEM QUEM QUER A SOCIEDADE NÃO É OBRIGADA A SE SUBMETER A FÉ DA IGREJA E MUITO MENOS O PODER JUDICIÁRIO QUE TEM POR OBRIGAÇÃO FAZER CUMPRIR

  7. Comentou em 11/03/2008 Padre Maurício Lourenço

    O Papa João Paulo II trabalhou numa pedreira e Bento XVI foi um célebre professor. Eu, como qualquer cidadão, presto serviços a sociedade não apenas filosófica e religiosamente, como também em serviços sociais. A imprensa novamente distorceu os fatos. O fato é que um cardeal comentou no Jornal Osservatore Romano sobre a questão de pecados que afligem atualmente a humanidade, nada que a Igreja Católica já não tenha tratado no Catecismo publicado a mais de 20 anos e atualizado por várias encíclicas papais. Os 10 Mandamentos continuam permanecendo como vitais de acordo, inclusive, com a lei natural.

  8. Comentou em 11/03/2008 Carlos Pontes

    É bom saber que o Vaticano está preocupado com as desigualdades sociais do planeta, melhor ainda seria se ele, o Vaticano, começasse a distribuir sua riquezas com os mais pobres.
    É louvável saber que o Vaticano é contra o tráfico de drogas, a desigualdade social, ações antiecológicas e a pedofilia, melhor ainda seria saber que ela acabaria de vez com a questão do celibato e liberasse os Padres para constituir suas próprias famílias, com essa atitude, com certeza ela estaria ajudando para diminuir os casos de pedofilia que a cada dia que passa envolve os Padres.
    Gostaria, sinceramente, que a Igreja Católica ficasse de fora da discussão sobre os estudos de células-tronco e se atesse somente em assuntos da Igreja.

  9. Comentou em 11/03/2008 Marco Antônio Leite

    Mentir para as pessoas bem intencionadas em troca do dizimo é o maior dos maiores pecados mortais. Esse não entrou na relação do Papa!

  10. Comentou em 11/03/2008 Wellington Oliveira

    O fato é que aumentaram a lista de pecados e tiveram coragem de incluir a pedofilia… Logo, logo teremos sacerdotes ardendo no mármore.

  11. Comentou em 11/03/2008 Marco Antônio Leite

    Vender sofisma não entra na lista de novos pecados da igreja Católica. Até quando vamos ter que suportar uma instituição que não produz absolutamente nada e, vive nas maiores mordomias. Sugiro que o Papa procure trabalhar numa indústria para saber o quanto é dolorido produzir bens de consumo em troca de um salário irrisório. Pecado de verdade é pregar coisas que até o capeta duvida?

  12. Comentou em 11/03/2008 João M. A. da Silva

    Dines, nada tem de científico?

    Alguns assuntos relacionados a Ética e Moral, são puramente Ciência Social ou estou enganado?

Programas Anteriores

1 2 3 4 5 última

1 de 2625 programas exibidos

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem