Sábado, 23 de Junho de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº992
Menu

TV EM QUESTãO > DATENA NO SIC NOTÍCIAS

Degredo moral

Por Francisco António Silva em 11/01/2005 na edição 311

Ao ligar o televisor na terça-feira 28/12/2004, e estando a assistir a uma reportagem do canal português SIC Notícias sobre os programas do jornalismo sensacionalista, que muitos chamam de telelixo, ouvi o Sr. José Luís Datena comentando a um jornalista português o seguinte:

– De quem é a culpa da violência que acontece nas ruas do Brasil se não dos políticos que governam o Brasil e até de vocês, que descobriram o país e mandaram para cá os degradados e os marginais?

As palavras poderão não ser estas textualmente, mas a intenção e a força delas poderá ser constatada ao rever-se a peça produzida pela SIC Notícias (o nome do programa não tive tempo de identificar).

Não pude deixar de me indignar perante tal afirmação… Tanta ignorância, tanta falta de charme! Tanto déficit de diplomacia!

Gostaria que esse senhor, antes de proferir mais barbaridades dessas, reflectisse primeiro na verdade dos factos e em segundo, se esta se verificar, que encontre a forma mais cordata de o dizer pois, porquanto não tenha respeito por ninguém, que o tenha pela memória e pela história que, pelos vistos, parece desconhecer por completo. Ou terei de o lembrar de outros países, esses sim, utilizados como verdadeiras colónias prisionais, caso da Austrália, e que encontraram o seu caminho do sucesso?…

Mesmo que os portugueses tivessem levado tantos degradados, esse senhor não será descendente de nenhum? E se os portugueses tivessem levado tantos degradados, será isso genético? Não há recuperação moral ou social que valha a um degradado, tanto que tenha de transmitir esse ‘gene maldito’ a toda a sua descendência?

Não consigo entender onde esse senhor queria chegar… se era indignar, conseguiu os seus intentos! Tanta ignorância!

******

Português indignado

Todos os comentários

  1. Comentou em 17/01/2005 Luiz Paulo Santana

    Meu caro Francisco António Silva, com certas pessoas não se perde tempo. Claro, você não o conhecia, já o conhece um pouco. Diz-se jornalista. E agora emite opiniões e faz julgamentos. Vou lhe contar: ele está vendendo o seu peixe. É completamente ignorante, fala besteira uma atrás da outra. Não o leve a sério. Recomendo que, antes de indignar-se com certos tipos, procure saber quem são, o que têm feito, o que acham dos gajos. Você vai evitar muitos dissabores como esse. Abraço fraterno.

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem