Terça-feira, 19 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

VOZ DOS OUVIDORES > O POVO

Paulo Rogério

10/07/2012 na edição 702
“Sem palavras”, copyright O Povo, Fortaleza (CE), 7/7/12.

“‘O fotógrafo tem o poder de capturar almas sem aprisioná-las.’ autor desconhecido

Nem sempre é preciso escrever linhas e linhas para contar uma excelente história ao leitor. Quando uma imagem é boa e aproveitada com inteligência na edição, acaba virando referência. Os leitores percebem, reconhecem e elogiam. Foi assim com a foto que foi de alto a baixo da capa de quinta-feira do Vida & Arte. O flagrante mostrou o abraço nada confortável entre o governador Cid Gomes e o Secretário de Cultura, Francisco Pinheiro.

‘É uma maravilha, não precisa falar mais nada. É visível o constrangimento de ambos’ afirmou um leitor que preferiu não se identificar. O texto apenas complementou o que a foto já havia antecipado. Pelo Portal, o leitor Luanda parabenizou o fotógrafo Edimar Soares. ‘Ele captou com maestria o espírito do evento’. As imagens também fizeram a diferença no caderno Comer & Beber, lançado sexta-feira. Na opinião da leitora Neilá Ribeiro as fotos das já abriram o apetite logo cedo. ‘Não precisava falar mais nada’ observou.

Trabalho pela metade

De fato, os casos exemplificam o bom casamento de ambos os recursos. Quando isso não acontece, a informação fica pela metade. Foi o que se observou na mesma edição de sexta-feira. Outra imagem, coincidentemente do mesmo fotógrafo, mostrou uma cena pouco usual na cidade: uma mulher fazendo topless na Praia de Iracema. Um atentado ao pudor.

O fato chamou a atenção de quem passava pelo local e a curiosidade do leitor. Cabia ao jornal responder a perguntas básicas: Quem era o casal? Eles desconheciam a proibição? O que a Polícia fez? Nada disso, porém, foi feito. Texto e foto ficaram em uma pequena breve na editoria Fortaleza, sem qualquer apuração jornalística. Mal se distinguia as pessoas na foto. Um casamento nada perfeito de um trabalho feito pela metade.

Mudança de abordagem

O leitor e professor da Universidade Estadual do Ceará, Paulo Marcelo Moreira, elogia a publicação semanal da coluna ‘Direito do Consumidor’ da defensora Amélia Rocha que analisa a aplicação do Código de Defesa do Consumidor. Porém, ele sugere que a abordagem tenha mudanças. ‘O jornal precisa mostrar algo mais concreto. Algo que registre a reclamação e também a resposta do responsável’. Uma ideia interessante e que foi encaminhada ao editor do Núcleo e à Chefia de Redação para análise.

Prestação de contas

O dia 4 de julho marcou o fim do segundo trimestre de atividades do ombudsman em 2012. Como prometido, publicamos a estatística de atendimento e de Erramos publicados. No total foram 167 atendimentos contra 106 no primeiro balanço. O jornal ainda registrou 148 Erramos contra 112 no trimestre anterior.

ESQUECIDO PELA MÍDIA: Como ficou instalação da CPI da Federação Cearense de Futebol?

FOMOS BEM

SERVIÇO

Lançamento do Caderno Comer & Beber com o melhor da gastronomia de Fortaleza

FOMOS MAL

SÃO JOÃO

Jornal tirou principal informação em matéria sobre a Quina: a maioria dos ganhadores é cearense”

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem