Quinta-feira, 21 de Março de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1029
Menu

VOZ DOS OUVIDORES >

Mara Gama

10/02/2009 na edição 524






‘Álbum de UOL Bichos trouxe uma imagem que deve ter feito diferença para as crianças hoje na home page do UOL.


Trata-se de um cão guia de 16 anos, ‘aposentado’, deitado numa caminha num asilo para este tipo de animais na cidade de Sapporo, no Japão.


Foto de Kim Kyung-Hoon para a Reuters


 


Fórum de jogos


Há um mês, em 5 de janeiro de 2009, foi implantado um novo sistema de fórum na estação de Jogos do UOL.


O fórum tem audiência e prestígio. Seu público é jovem, usuário frequente de internet e bastante participativo.


A ferramenta vinha enfrentando problemas de manutenção e de escala já há um bom tempo. As mudanças, que pretendem aumentar a capacidade de público e facilitar as implantações de novos recursos, eram inevitáveis, segundo os responsáveis.


Optou-se por não reformar o fórum antigo. Foi feito um sistema totalmente novo e houve um processo de ‘migração’ dos dados de cadastros dos usuários.


Nos últimos dias 3 e 4 de fevereiro, internautas enviaram muitas reclamações sobre as mudanças recentes para a ombudsman.


Grande número de mensagens de erro, impossibilidade de navegar em certos horários ‘de pico’, dificuldade para postar e ler posts, e a falta de recursos que constavam no fórum antigo e não estão no novo foram algumas das falhas apontadas pelos usuários.


‘A comparação com a tecnologia antiga é obrigatória e mostra o quanto a nova tecnologia ainda estava prematura para ser adotada. A falta de várias funções atrapalha muito o andamento e o aproveitamento. Exemplos de funções presentes no fórum antigo que não estão no novo: busca de mensagens; edições de perfil; contador de posts; indicação do tempo de participação (condecorações). Fora que o sistema é totalmente instável e não garante nem uma hora de navegação tranquila. Milhares de usuários esperam alguma atitude’, escreveu o internauta Lucas.


‘Funções que eram prometidas não foram implementadas, funções do layout anterior que eram de vital importância para o bom funcionamento do fórum foram cortadas, há atraso na correção de bugs, novos bugs aparecem quando outros são ‘‘corrigidos’’’ (Rennan)


‘Gostaria de saber quando o fórum vai voltar a funcionar corretamente. Como o maior fórum de jogos do país fica um lixo assim do dia para noite?’ (Carlos).


‘Em diversos horários é impossível ler e postar algo devido aos constantes erros de servidor’ (Bruno).


‘Venho através desta mensagem fazer uma denúncia: a má qualidade do sétimo maior fórum do mundo… o fórum UOL’ (Flaermy).


Conversei com Fábio Pancheri, editor de UOL Jogos, sobre as mensagens recebidas e a mudança. Fábio atribui grande parte dos problemas de instabilidade ao aumento expressivo da audiência. A média de páginas vistas diárias triplicou. E o volume de postagem aumentou. Em nove dias, o fórum obteve 1 milhão de mensagens. O período de férias escolares foi fator importante, mas, a ampliação da capacidade do sistema foi o fundamental, segundo ele.


Houve também uma surpresa: com o início do programa Big Brother Brasil, os internautas do fórum do UOL passaram a criar tópicos sobre este assunto. A audiência cresceu. O fato mostra, mais uma vez, que há demanda por uma ferramenta de participação mais direta nas páginas do UOL. como já apontaram diversas vezes os internautas em mensagens para a ombudsman e para a Redação.


Com o grande acesso, o sistema precisou de novo dimensionamento e intervenção da área técnica, para minimizar a instabilidade.


A equipe de Tecnologia corrigiu alguns problemas e hoje, 5 de fevereiro, as 15h, uma nova versão foi colocada no ar. Nos próximos dias, mais ajustes estão prometidos e funcionalidades como as pedidas pelos leitores acima serão estudadas, segundo a equipe.


Naveguei pela estação UOL Jogos para ver como é feita a comunicação com os usuários do fórum. Há bom destaque para uma página de ajuda, há uma página de perguntas mais frequentes e um endereço de e-mail ( forum.jogos@uol.com.br ) para receber as comunicações dos leitores. São recursos importantes e é positivo que estejam acessíveis.


No próprio fórum, Pancheri tem prestado esclarecimentos aos leitores em situações pontuais.


Mas falta sinalizar aos usuários que se trata de um processo de transição e abrir um espaço público para que os participem, relatando problemas e enviando sugestões: falta um fórum só sobre o fórum.’


***


UOL publicou lista antiga de aprovados da Fuvest (4/2/09)


Por falha -grave- nos processos de checagem de informação da Redação, o UOL publicou em sua estação dedicada ao Vestibular e deu destaque na home page do portal para a lista de aprovados da segunda chamada da Fuvest de 2008 como se fosse a lista de aprovados geral de 2009. A lista foi publicada as 8h31 desta quarta, dia 4, e ganhou destaque progressivo na home page do UOL.


Num primeiro momento, teve a submanchete.


Minutos mais tarde, foi manchete do portal.


A divulgação da lista pela Fuvest estava sendo aguardada para as 12h. A Fuvest já divulgou em outros anos a sua lista antecipadamente, o que faz com que vestibulandos, familiares e jornalistas que cobrem a área fiquem de prontidão para um eventual adiantamento da publicação da lista.


Uma falha de comunicação interna da Redação fez com que um lista usada como teste interno do sistema fosse considerada a lista atual da Fuvest e assim publicada.


Segundo informa o UOL Vestibular, a Fuvest teve 138.242 inscritos, para as 10.557 vagas na USP (Universidade de São Paulo), 100 vagas na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e outras 50 na Academia de Polícia Militar do Barro Branco.


Internautas que viram a lista apontaram o erro por meio do botão ‘comunicar erro’ inserido na página de Vestibular e na home page do UOL.


De 8h40 a 9h06, 37 leitores apontaram o erro na página de UOL Vestibular. No mesmo período, nove usuários apontaram o erro através da home page do portal. A ombudsman recebeu dez mensagens sobre o assunto.


O erro provocou revolta e desapontamento:


‘Acabei de passar por uma situação desagradável e, no mínimo, desesperadora. A lista de aprovados na primeira chamada da Fuvest 2009 sairia hoje, meio-dia, de acordo com o próprio site da fundação. Contudo, como é de praxe, todos esperam que a lista seja divulgada algumas horas antes, o que eventualmente ocorre com resultados de vestibulares paulistas. O problema é que o UOL colocou uma enorme notícia em sua página inicial, 8h30min da manhã (portanto 3h30min antes do prometido pela Fuvest), ‘‘divulgando’’ a lista dos convocados na primeira chamada. Quando cliquei, ansioso, não achei nenhum dos nomes que procurava. Após meia hora, uma enorme onde da decepção e uma dor de cabeça que isso me rendeu, percebi que o UOL apenas colocou um link para os aprovados do ano passado. Expresso aqui minha enorme irritação e decepção como leitor e assinante do UOL’, escreveu Felipe.


‘O UOL publicou a lista de convocados para a segunda chamada para o vestibular de 2008 e não 2009. Totalmente ridículo em se tratando de um dos maiiores provedores do Brasil. Isso chateia muito a nós, vestibulandos’. (Larissa)


‘Esta mensagem da Fuvest pode ter tirado o sonho de muita gente, não adianta apenas tirar do ar, deve agora em destaque mostrar uma errata e falar o erro. Sorte que percebi que se tratava do vestibular 2008 e não de 2009’. (Alexandre)


‘O que vocês fizeram colocando a falsa informação que a Fuvest divulgou aprovados de 2009 e, na realidade, divulgando a lista de 2008 foi perverso, vocês não imaginam quantas pessoas leram essa chamada e ainda estão achando que não entraram na USP. Prestem mais atenção!!’ (Ana Beatriz)


A Redação publicou errata 20 minutos depois da publicação da lista errada, com o seguinte texto:


UOL Vestibular e Home page: UOL publicou lista antiga de aprovados da Fuvest


Diferentemente do que foi informado, a lista de aprovados no vestibular 2009 da Fuvest não foi divulgada às 8h31 desta quarta-feira (4). Por um erro de informação, a lista de 2008 foi publicada por UOL Vestibular como se fosse a relação de aprovados do vestibular 2009. O texto, que ficou em destaque na Home page por dez minutos, foi retirado do ar assim que o erro foi constatado. A lista correta foi publicada às 12h19 desta quarta-feira.


A home page do UOL deu chamada para a errata das 9h as 14h.


Na página da reportagem que dá acesso à lista de aprovados há um link para o texto. É um procedimento correto para casos como este.


Mas ainda falta deixar um link fixo para a errata na página de abertura de UOL Vestibular, para garantir que o público cativo da estação seja informado do problema. * ( leia comentário sobre este ponto no fim do post)


O episódio deve servir para que a Redação avalie e trate de melhorar os procedimentos de checagem de informação em todas as suas fases.


Da apuração primeira até a ‘vitrine’ mais externa, a home page do portal, passando por todos os procedimentos técnicos. Neste ciclo de produção, tem de haver um crivo progressivamente mais seletivo e apurado. Todos os envolvidos têm sua parcela de responsabilidade e devem atuar para garantir a precisão das informações publicadas.


* A equipe de UOL Vestibular informa que a errata esteve também na home page de UOL Vestibular das 9h56 as 15h01, foi recolocada as 19h11, e será mantida até o dia 5.


***


Títulos (3/2/09)


Três títulos com problemas na home page do UOL chamaram a atenção e merecem nota. Uma releitura mais aprofundada e crítica dos temas a serem destacados pelo portal em sua primeira página poderia resultar em chamadas melhores e também na reformulação dos títulos e textos nas páginas internas.


‘Milan admite que quer continuar com Beckham em definitivo’; ‘Retornos de Renan e Navajas reforçam caráter diretivo da geração de 80’; ‘Ela e Newton- Relacionamento dentro da casa do BBB 9 deixa Josiane incomodada’.


‘Continuar em definitivo’ é uma construção redundante. No título da reportagem nas páginas internas, a construção é mais rebuscada ainda:


‘Milan torna público o desejo de contratar Beckham em definitivo’. Melhor simplificar a vida. Dirigente do Milan afirma que time quer continuar com Beckham é o sentido.


‘Retornos de Renan e Navajas reforçam caráter diretivo da geração de 80’. ‘Caráter diretivo’ é uma formulação inapropriada. Não faz sentido. O que se quer dizer é explicado no nono parágrafo do extenso texto: ‘Em comum, todos os ex-treinadores citados têm o fato de, em algum momento, terem passado pela seleção brasileira na década de 1980, seja como técnico ou como atleta. Na opinião de todos eles, a mentalidade criada dentro daquele time foi fundamental para a formação dos ‘homens de negócios’ em que se transformaram’.


‘Ela e Newton – Relacionamento dentro da casa do BBB 9 deixa Josiane incomodada’ não tem problema de formulação, mas revela total e indesejável adesão do texto ao objeto tratado. O jogo de dissimulação e marketing pessoal que grande parte da audiência de TV acompanha é tratado pelo UOL com seriedade descabida. Mais distância é fundamental.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem