Quinta-feira, 21 de Março de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1029
Menu

VOZ DOS OUVIDORES >

Mara Gama

23/02/2009 na edição 526

‘Começou no início da noite desta quinta-feira, 19 de fevereiro, a transmissão do Carnaval de Salvador ao vivo pela TV UOL.

Ótima notícia que o UOL volte a fazer uma grande transmissão como esta.

Na home page do UOL, uma linha na parte superior dá link para a transmissão.

Ao clicar, o internauta vai direto para a página do especial sobre o Carnaval, onde está a janela de vídeo.

É positivo que o link conduza rápido ao que se quer, mas na página onde está a janela de vídeo não se tem qualquer informação adicional sobre o plano da cobertura.

Até que horas vai a transmissão? Quais são as atrações programadas para esta noite?

É preciso contextualizar e dar mais informação ao leitor. Dá tempo para fazer ajustes.

Leitor pede espaço para comentários

O internauta Carlos pergunta: ‘Por que somente algumas notícias possuem espaço para comentários, sendo que existem muitas notícias importantes e polêmicas que merecem esta possibilidade?’.

E sugere: ‘Por que o UOL não cria um forum organizado dos comentários dos leitores? Não uma lista sequencial, mas algo mais elaborado, quem sabe até com a interferência dos próprios internautas, comentando as notícias. Poderia ser até um resumo mensal, semanal, com os melhores comentários, escolhidos pelos próprios internautas com um formato semelhante ao do UOL. Isso estimularia quem gosta de escrever, daria visão às próprias matérias do UOL e fomentaria discussões mais saudáveis sobre os diversos assuntos do dia a dia.’

Atualmente, o UOL tem um modelo de interatividade para comentários do público em textos usado em praticamente todas as áreas de conteúdo, que é o grupo de discussão.

Num rápido giro, vejo que foram abertos 71 grupos (17 hoje, oito no dia 18, 12 no dia 17, 11 no dia 16, 5 no dia 15, 5 no dia 14 e 13 no dia 13) na semana que passou. Impossível dizer se são muitos ou poucos. Qual seria o critério?

Nesta quinta, 19, foram abertos 16 grupos, que estão listados no índice: e um grupo que aparece apenas na navegação do site dedicado à cobertura do programa Big Brother Brasil 9.

Na listagem geral, foram abertos grupos para os seguintes temas:

Viagem – Você foi a Aspen para praticar esqui e snowboarding? Conte como foi

Notícias – Você acha que as testemunhas de defesa podem atrasar o processo do mensalão?

Empregos – Você sabia que o Carnaval não é feriado? Como funciona na sua empresa?

Celebridades – Parabenize a atriz Priscila Fantin por seus 26 anos e por sua brilhante carreira

Cinema – O que achou de ‘Testemunhas’?

Cinema – O que achou de ‘Rio Congelado’?

Esporte – Novak Djokovic conseguirá continuar invencível e passará por Tsonga?

Cinema – O que achou de ‘Milk- A voz da igualdade’?

Cinema – O que você achou de ‘Um hotel bom pra cachorro’

Notícias – Crise econômica no Japão pode trazer até 30 mil dekasseguis de volta ao Brasil. O que acha?

Economia – Banco do Brasil vai crescer com estratégia focada nos clientes de baixa renda?

Educação – Concorda com a lei que cria bonificação para professores das escolas técnicas de SP?

Estilo – Qual é o look ideal para o Carnaval?

Futebol- Sem obrigação de manter a campanha 100%, o Palmeiras jogará melhor?

Cinema – Mickey Rourke pode ficar fora de ‘Homem de Ferro 2’. Comente

Fórmula 1- GP da Malásia descarta corrida noturna. Que tal?

Até as 21h45, os grupos tinham poucos comentários. A falta de público pode apontar para muitos aspectos. O fato de nenhum deles ter chamada na home page pode explicar em parte. Os temas propostos podem não ter agradado ao público. A véspera do Carnaval pode não ser o dia mais propício para participar. São apenas algumas das possibilidades.

Segundo informações da Redação, os grupos sobre o programa Big Brother e futebol chegam aos 300 comentários, e os de cinema, quando alavancados por notícias que ganham a home page do UOL, têm desempenho semelhante.

O novo formato de fórum de jogos, que estreou em janeiro, teve, nos primeiros dez dias de existência, 1 milhão de posts individuais, na soma de todos os tópicos.

De acordo com a Redação, há estudo para usar a mesma ferramenta de fórum nas outras áreas de conteúdo. Para o internauta, haveria mais recursos, a possibilidade de criar tópicos internos e dialogar com outros usuários. Seria um salto de qualidade em relação ao atual modelo.

Mas penso que só a mudança de formato não dará conta da demanda do público, explicitada pela pergunta e pela sugestão do leitor usadas neste post.

Seria bom ter a possibilidade de participação do público em todos os ambientes virtuais e um engajamento da Redação nas discussões propostas pelos internautas.

***

Mario Vitor Santos deixa posto de ombudsman do IG (17/2/09)

O jornalista Mario Vitor Santos, primeiro a ocupar um cargo de ombudsman de um veiculo exclusivamente de internet no Brasil, anuncia em seu blog que deixa hoje a função que desempenhava no portal IG desde junho de 2007.

Formado em Jornalismo pela Universidade Federal Fluminense, mestre em Letras Clássicas e doutorando pela USP, Mario Vitor Santos foi jornalista da Folha de 1984 a 1999, onde exerceu as funções de redator, editor, diretor da Sucursal de Brasília, secretário de Redação e também de ombudsman. É professor e diretor da Casa do Saber.

Segundo informa o post, a diretoria do IG afirma que vai indicar substituto para o cargo.

***

Regionalismo (16/2/09)

Duas mensagens recentes de internautas apontam regionalismo do UOL no modo de se referir a outros Estados que não Rio e São Paulo e pouco conteúdo voltado a internautas de outros Estados.

O internauta Lázaro cita: ‘Hoje (13/02/2009) me deparei com o seguinte título em notícia vinculada do UOL: ‘‘OAB-SP vai unificar Exame de Ordem com o RESTO do Brasil’’. Mais uma vez digo que São Paulo é apenas mais um Estado da federação. Os outros Estados não constituem RESTO’. E escreve: ‘espero que os redatores dessa respeitada fonte de informações repensem essa atitude, no mínimo, grosseira’.

Luiz Antonio, de Caxias do SUL, comenta e pergunta: ‘Como o UOL (ou a Folha) é uma marca de nível nacional bem que poderia incrementar um pouquinho dando chance para outras regiões. Por exemplo, nas enquetes, sempre existem questões relacionadas ao futebol carioca ou paulista. Quem será o campeão, como deve jogar o time tal etc …(vide a enquete desta semana). Por que não abre um pouco e coloca para outros Estados as mesmas perguntas envolvendo os times como Grêmio, Inter, Cruzeiro, Atlético, Coritiba, Sport etc…? Seria bom até mesmo para o UOL verificar o tamanho de seu mercado, e da legião de ‘estrangeiros’ (fora do eixo Rio/SP). É muito difícil isto?’

Não acho que seria difícil. Os e-mails servem como alerta da percepção que o público tem do portal. É preciso que a Redação tenha a preocupação de alargar os horizontes e possa ter cobertura mais abrangente.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem