Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

VOZ DOS OUVIDORES > AGÊNCIA BRASIL

Paulo Machado

08/03/2011 na edição 632

‘A leitora Claudete Duarte escreveu: ‘Gostaria de ter uma explicação verdadeira sobre os feitos do nosso ex-presidente Lula, referente às dívidas interna e externa. Quero ter o argumento correto para conversar com as pessoas. Falam tantas barbaridades – não acredito na má fé e no erro do nosso ex-presidente. Acho que a Presidente Dilma também deve estar sendo correta. Gostaria de informações para poder debater com pessoas maliciosas que aparecem na minha frente.’

A Ouvidoria preparou para ela uma relação de oito matérias (*), publicadas entre outubro de 2010 e janeiro de 2011, sobre a política econômica dos governos anterior e atual que tratam das dívidas interna e externa.

Na cobertura da ABr encontramos argumentos de especialistas e de autoridades monetárias explicando as medidas para tentar contornar e amenizar os efeitos da crise que se abateu sobre o sistema financeiro internacional. No entanto, faltou a ABr repercutir tais medidas com representantes dos diversos setores da economia e da sociedade para saber como, do ponto de vista deles, interpretam as providências tomadas e quais as perspectivas em termos da produção e do consumo nos próximos meses.

Devido ao agravamento da crise que se avizinha, e que motivou as recentes medidas de corte de gastos do governo, decorre a necessidade de se aprofundar essa pauta para que o debate público da questão ganhe qualidade e consistência.

A cobertura, que até o momento conseguiu levantar aspectos mais gerais e superficiais dos impactos das medidas econômicas, pode verificar como a atividade de setores específicos, como o da construção civil, serão afetados. Essa é a preocupação de alguns leitores. Endel Vieira escreveu: ‘Com este corte nos recursos para a habitação como fica o sonho da casa própria de milhares de brasileiros que já fizeram investimentos?’

A atitude da leitora, buscando os argumentos de que necessita nas páginas de sua agência pública de notícias revela a importância do trabalho da ABr para a formação e informação do leitor.

Até a próxima semana.

(*) Relação das matérias enviadas para a leitora:

Governo vai trabalhar para zerar déficit nominal, diz Paulo Bernardo

Dilma diz que vai proteger os mais frágeis e governar para todos

Crise deixa poucos efeitos sobre atividade econômica, mas afeta contas públicas

Representante dos trabalhadores diz que governo Lula foi segunda independência do Brasil

Balanço dos oito anos de governo Lula destaca conquistas econômicas e sociais

Meirelles destaca conquistas de seu mandato e manifesta otimismo sobre o futuro da economia

Novo governo terá que começar cortando gastos para manter equilíbrio fiscal, avaliam especilistas

Próximo governo terá de reforçar ajuste fiscal, dizem especialistas’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem