Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

VOZ DOS OUVIDORES > AGÊNCIA BRASIL

Paulo Machado

29/03/2011 na edição 635

‘Recentes alterações no programa que publica as notícias da Agência Brasil causaram estranheza entre os leitores e usuários que utilizam e reproduzem o seu conteúdo. Os enciclopedistas, autores da Wikipédia – a enciclopédia livre, aparentemente foram os primeiros a perceber aquele que, dias depois, seria classificado como um ‘lapso técnico’ pela assessora da EBC Adriana Motta (*).

Acostumados utilizar imagens e textos da ABr para registrar a história cotidiana do Brasil e do mundo, os autores depararam-se com um fato inusitado. Na noite de sexta-feira, 18, algumas horas antes do presidente Obama desembarcar em Brasília – a licença (Creative Communs – CC) que autoriza o livre uso e reprodução de todo o conteúdo gratuitamente havia desaparecido e em seu lugar aparecia o símbolo ‘©’ – copyright, sinalizando que o conteúdo da ABr estava com ‘todos os direitos reservados’.

Imediatamente iniciou-se uma discussão cujos trechos reproduzimos parcialmente a seguir, pois revelam a origem das demandas que a Ouvidoria recebeu sobre o episódio:

‘Wikipédia:Esplanada/geral/Agência Brasil (18mar2011)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Um editor deixou a seguinte mensagem na esplanada em língua portuguesa do Commons:The cc-by-2.5-br at the ABR websites is gone. Possibly their content is not longer under that free license, the website now only contains a copyright notice. Anyone knows what happens or if there is any indication of a free licensing hidden in their terms of use or anywhere else? Is it unfree now  ? Input please at COMT:L, maybe someone of our Portuguese speakers can ask Abr? –Martin H. (talk) 09:42, 18 March 2011 (UTC)

Sabendo que sob essa licença foram carregadas centenas de imagens e que o pessoal é rápido para apagar, peço que me ajudem a verificar se realmente mudaram a licença, retirando o Creative Commons 2.5, não estou com muita disponibilidade de tempo agora. E se o governo mudou a licença, que sacanagem!—Jo Lorib ->d 22h40min de 18 de março de 2011 (UTC)

Até onde eu saiba (q é pouco) não se pode reverter uma mudança de licença de imagem para uma mais restrita. O q um dia esteve sob licença livre estará para sempre. Imagina se eu faço uma coleção de livros com essas imagens, uma triagem alta, e quando vou vender mudaram a licença, fico no prejuízo? Se é como eu acho, todo o conteúdo produzido antes da mudança de licença ainda pode ser usado, os criados após estão protegidos. Rjclaudio msg 23h43min de 18 de março de 2011 (UTC).

Lembro de ter visto no Commons que, se uma licença é alterada de livre para restrita, a imagem deve ser apagada de lá. Esta mudança na Agência Brasil deve ter alguma coisa a ver com a decisão recente do Ministério da Cultura de também abandonar o licenciamento via Creative Commons (eu inclusive havia escrito à Cedoc-Funarte a respeito da licença de algumas imagens antigas no site deles, mas não recebi retorno). Procurei nos sites da EBC, da Agência e da TV mas não consegui encontrar nada a respeito, vou continuar vasculhando pra ver se descubro alguma coisa. –viniciusmc (discussão) 03h17min de 19 de março de 2011 (UTC)

Quanto às páginas da EBC, só a Repórter Brasil continua com o selo CC-2.5. Entrei em contato com a ouvidoria deles questionando sobre a utilização do conteúdo da Agência Brasil agora que o selo desapareceu, espero que desta vez tenha alguém do outro lado da linha. –viniciusmc (discussão) 03h47min de 19 de março de 2011 (UTC)

Uma explicação: ‘Nenhuma imagem da Agência Brasil que esteja no Commons anteriormente a mudança da licença será apagada’. Entretanto, não será mais possível dispor ou fazer novos uploads a partir desta fonte. Seria bom falar com eles. Béria Lima msg 14h04min de 19 de março de 2011 (UTC)

Estou ficando com raiva desses caras. Deixei uma mensagem para a ouvidoria [1] da Agencia Brasil, aconselho a que todos se manifestem, embora saiba que a resposta só vem na segunda feira. Vamos testar nossa audiência? Trocaríamos a foto da Dilma, em todas as Wikis ou só no Commons por um manifesto? Tipo: A foto que se estava aqui foi suprimida por ter o governo brasileiro declarado guerra ao Creative Commons e suprimido a licença CcbySA2.5.—Jo Lorib ->d 14h58min de 19 de março de 2011 (UTC)

Eu acho melhor esperar. . Béria Lima msg 14h59min de 19 de março de 2011 (UTC)

Concordo Concordo com a Béria, melhor esperar. Vou também tentar entrar em contato com eles mais tarde. Se não responderem e, de fato, optaram por não terem mais seu material com licenças livres, muito boa a idéia em substituir imagens como um manifesto. –everton137 (discussão) 17h41min de 19 de março de 2011 (UTC)

Boa Jô, deixei também uma mensagem na ouvidoria, aliás transcrevo-a abaixo. Também concordo com o manifesto, mas adaptaria um pouco o texto para ser mais preciso, como disse a Béria, que apenas imagens futuras não poderão ser incorporadas.

Mensagem para a Ouvidoria:

Caros, Com contribuidor da Wikipédia, veio à minha atenção que a Agência Brasil não apresenta mais uma licença de uso das suas obras compatível com o uso naquele projeto. Por um bom tempo já, material da Ag. Brasil, que vinha sendo disponibilizado sob a licença ‘CC-BY’[1], te m sido de grande valor para a construção colaborativa da enciclopédia livre, em uma das formas que considero mais louváveis de valer a função pública desta agência e divulgar amplamente seu trabalho. [1] http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/ Como houve um diálogo anterior com a comunidade Wikipedista a esse respeito e, desta vez, nada foi comunicado, é possível que tenha se tratado de uma desatenção ou dificuldade sobre como melhor proceder. Assim, aguardo ansiosamente uma resposta e coloco-me à disposição para auxiliar no que for necessário. Um bom dia e abraço amigo,

–Solstag (discussão) 23h01min de 19 de março de 2011 (UTC)

Como já dito, o que já aqui está, fica. Agora temos de verificar duas coisas: 1) a licença realmente mudou? 2) Em que data ocorreu a mudança. Dantadd (α—ω) 23h41min de 19 de marηo de 2011 (UTC)

Não aparece qualquer tipo de menção a licença no site da ABR, pelo que se deve assumir que o uso é reservado. A licença CC 2.5 parece-me bem clara que é perpétua, isto é, o que foi copiado do site enquanto lá constava a licença CC pode continuar a ser usado. No entanto, a mesma licença possibilita ao detentor do copyright de mudar a licença, o que me leva a supor que já não é lícito ir lá buscar seja o que for alegando que ‘dantes a licença era CC’, porque agora já não é. E, embora admita que estou errado nessa suposição, dificilmente acredito que, por exemplo, Ficheiro:Famíla Obama no Brasil.jpg, retirada daqui ontem não seja VDA. Acho que nos resta esperar que o apelo acima seja atendido. Não há uma espécie de ‘OTRS coletivo’ para sites? Tenho a impressão de já ter visto algo do tipo algures. Se existe e se a ABR estivesse na disposição de conceder isso ao Commons/Wikimedia, o problema estaria resolvido mesmo que a omissão da CC não seja uma distração deles, isto é, que eles tenham mesmo abandonado a CC. –Stegop (discussão) 08h29min de 20 de março de 2011 (UTC)

Além de esperar, escrevam para a ouvidoria. Quanto mais manifestações de bom tom, melhor as chances de obtermos uma reação célere e positiva. Abs! –Solstag (discussão) 09h38min de 20 de março de 2011 (UTC)

Nesta notícia, quando a polêmica estava apenas na retirada da licença do site do Ministério da Cultura, fica claro que a retirada da licença é intencional. O site da Agência Brasil está se adaptando às novas diretrizes governamentais que se tenta implementar sobre direitos autorais. Braswiki (discussão) 13h39min de 20 de março de 2011 (UTC)

Mandei minha mensagem:

Caros, gostaria de saber se todo conteúdo desse site continuará licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição (CC-by), como era antes, ou se houve uma decisão consciente em deixar todos direitos reservados. Notei que na página principal aparece uma referência a licença CC-by, mas ao acessar as fotos, vejo que está aparecendo o símbolo © ao lado nome do fotógrafo. Isso está confuso para mim, por isso gostaria de um melhor esclarecimento. Obrigado, Everton

Talvez essa referência a licença CC-by (ou estava lá quando criaram esse tópico aqui?) seja um indício que é problema de transição do software usado no site. Se alguém obtiver alguma resposta da ouvidoria, por favor, coloque aqui. –everton137 (discussão) 16h08min de 20 de março de 2011 (UTC)

O logotipo da CC só aparece na página principal, ou pelo menos não aparece, por exemplo, nesta página, de onde foi tirado Ficheiro:Famíla Obama no Brasil.jpg. Isso levanta-me uma dúvida: será que se pode assumir que o logotipo na página principal signfica que o conteúdo de *todo* o site é licenciado sob CC-2.0? Não me parece evidente!

Entrei agora no site da Agência Brasil e percebi que mudaram novamente a licença, no rodapé de todas as páginas agora está escrito: Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil.—Jo Lorib ->d 21h10min de 21 de março de 2011 (UTC)

Só para confirmar, pois a Agência Brasil é muito utilizada no Wikinotícias, a licença utilizada é a Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil. De qualquer forma, dificilmente a ABr deixaria de ter uma licença desse gênero, pois a EBC, segundo seu próprio site, deve suprir uma lacuna no sistema de radiodifusão com o objetivo de implantar e gerir os canais públicos, aqueles que, por sua independência editorial, distinguem-se dos canais estatais ou governamentais. Essas são as características das TVs públicas em todos os países onde a comunicação pública é forte com conteúdo diferenciado, complementando os canais privados. Agora, é aguardar a resposta da Ouvidoria ao Solstag. Sds. Alex Pereirafalaê 16h36min de 22 de março de 2011 (UTC)

Fim da discussão (para ver sua íntegra acessar: http://pt.wikipedia.org/wiki/Wikip%C3%A9dia:Esplanada/geral/Ag%C3%AAncia_Brasil_%2818mar2011%29 )

Esta Ouvidoria não recebeu até o momento de parte dos responsáveis pela Agência Brasil uma explicação sobre o ocorrido, mas parece que tudo voltou ao normal desde às 18:00 de segunda-feira, 21, quando foi retirado o símbolo ‘©’ das imagens.

Lembramos o pioneirismo e o protagonismo da ABr quando tomou a decisão editorial, em 2006, de disponibilizar todo seu conteúdo sob licença Creative Commons (**) e, em 2007, de implantar a primeira Ouvidoria no mundo para uma agência de notícias. Ambas iniciativas contribuíram para consolidar este espaço público de comunicação como referência internacional de informação.

Nas recentes mudanças que estão sendo feitas no site, algumas das demandas dos leitores estão sendo atendidas como, por exemplo, a criação da editoria de cultura e a de pesquisa e inovação. A possibilidade de interação com as redes sociais também começa a ser implementada facilitando a navegação e a divulgação do conteúdo da ABr. Apenas os mecanismos de busca em seus arquivos ainda apresentam certa instabilidade – ora funcionam, ora apresentam erros ou não encontram matérias e, especialmente, imagens que sabemos estar guardadas em algum lugar. A nuvem de assuntos e a possibilidade de assinar o RSS por editoria ainda não apareceram, tampouco os vídeos e áudios dos demais veículos da EBC.

As mudanças até agora apresentadas indicam que em breve os leitores poderão usufruir de um site da Agência Brasil à altura de seu conteúdo.

Até a próxima semana.

(*) – EBC garante que as licenças de uso da Agência Brasil permanecem inalteradas – disponível em: http://www.redebrasilatual.com.br/multimidia/blogs/blog-na-rede/ebc-garante-que-as-licencas-de-reproducao-da-agencia-brasil-permanecem-iguais

(**) – disponível em: Agência Brasil aposta em conteúdo multimídia com novo site

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-07-10/agencia-brasil-aposta-em-conteudo-multimidia-com-novo-site

Novos sites foram totalmente produzidos em software livre

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-07-09/novos-sites-foram-totalmente-produzidos-em-software-livre

09/07/2006 – 21h17

Nova página da Agência Brasil facilita a prática do jornalismo cidadão

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-07-10/nova-pagina-da-agencia-brasil-facilita-pratica-do-jornalismo-cidadao

Agência Brasil adota Creative Commons para licenciar seus conteúdos

23/06/2006 17:45

09/07/2006 – 21h05

Criador do Creative Commons destaca adoção da licença pela Agência Brasil

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-07-10/criador-do-creative-commons-destaca-adocao-da-licenca-pela-agencia-brasil

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem