Quinta-feira, 14 de Novembro de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1063
Menu

VOZ DOS OUVIDORES >

Rita Celia Faheina

08/09/2009 na edição 554

‘Peço licença ao leitor José Nilton Mariano Saraiva para usar o título do seu e-mail enviado na última segunda-feira. Não foi o único. Outros leitores fizeram o mesmo, deixaram recados na secretária eletrônica e ligaram para reclamar do erro no GOL! Na capa do caderno de esportes, abaixo do quadro de classificação da série B do Campeonato Brasileiro 2009, estavam os próximos jogos. Só que com datas e partidas que o leitor nada entendeu.

Em pleno dia 31 de agosto eram citados jogos do dia 29 (não dizia de que mês); dos dias primeiro e dois de junho (datas passadas). O pior: misturaram times que estão na série A com os das séries B e C, até da série D. Verdadeira confusão para o torcedor local que acompanha, com mais interesse, os jogos da série B onde estão os dois principais times do Estado: Ceará e Fortaleza.

Leitor há mais de 20 anos do O POVO, Nilton Mariano protestou e com razão. No e-mail, ele descreveu a situação atual de todos os times citados na (des)informação do quadro ‘Próximos Jogos’. ‘CRB x Ponte Preta (o CRB não participa da competição); Avai x Barueri (ambos competem na série A); Fortaleza x Santa Cruz (o Santa Cruz está na série D); Paulista x Remo (ambos são da série C); Criciuma x Marília (não participam das séries A ou B); Coritiba x São Caetano (o Coritiba integra a séria A); Vitória x Ipatinga (o Vitória também é da série A); Portuguesa x Ceará (os dois pertencem à série B, só que o próximo jogo do Ceará é contra o Bahia); Gama x Ituano (nenhum dos dois pertence às séries A ou B); Santo André x Brasiliense (o Santo André é da série A). Ou seja, simplesmente se misturou as séries. Decifre quem quiser. Cadê a responsabilidade?’ perguntou.

Outro que disse ter ficado inconformado com o erro foi Carlos Alberto de Farias. Como Nilton Mariano igualou a informação dos próximos jogos com o ‘samba do crioulo doido’. Já o leitor José Walter Sombra diz que não é de hoje que nota erros no caderno GOL! ‘Ultimamente aumentaram muito os erros. Um dia saiu a tabela da série A e da série C e não saiu da série B. O editor não pode alegar falta de espaço, porque tem demais no caderno’,completa.

Na edição do dia seguinte, 1º de setembro, no GOL! (pág. 11) foi publicado o Erramos, mas apenas corrigiu os jogos da 22ª rodada da Série B. Não citou as razões do erro. Por isso, pedi explicações ao Núcleo Cotidiano. A resposta veio do editor-adjunto Paulo Rogério. Por e-mail, ele diz que foi responsável pelo fechamento do caderno da última segunda-feira. ‘Infelizmente houve meu erro no momento da revisão do quadro da Série B. Peço desculpas aos leitores e informo que estamos adotando todas as providências para que outros casos do tipo não se repitam’. É o que esperam os leitores.

Na mesma edição, outro erro foi apontado por José Nilton Mariano. Na matéria com o título ‘É a Cearamania!’, o repórter Rogério Gomes informou que no desembarque do time do Ceará, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, ‘…entre os mais assediados estiveram o atacante Mota, autor do segundo gol da vitória sobre o Vasco e o técnico PC Gusmão, apontado pela maioria como o principal responsável pela boa campanha do time…’

O leitor disse que o repórter esqueceu um detalhe: o técnico PC Gusmão e alguns jogadores ficaram no Rio de Janeiro passando o fim-de-semana. ‘Será que ele viu um fantasma do PC Gusmão?’ pergunta e o repórter Rogério Gomes envia e-mail respondendo: O treinador não estava no desembarque. Nem por isso deixou de ser celebrado pelos torcedores. Reconheço, porém, que houve uma má construção do texto da minha parte. Coloquei o PC Gusmão e o atacante Mota na mesma frase como os mais celebrados pela torcida. Isso pode realmente dar a leitura que os dois estavam lá, quando, na verdade, apenas o atacante Mota estava presente e, inclusive, apareceu nas fotos divulgadas pelo O POVO. Mas o técnico, mesmo ausente, foi enaltecido por torcedores diante da boa campanha alvinegra com ele no comando do time’.

Página republicada

Outro erro foi a repetição de uma página no caderno de Economia. As mesmas notícias da página 26 de sábado, 30, estavam na página 24 da edição de domingo, 31. O leitor Luis Roberto, entre outros, ligou para reclamar da falta de atenção. Ele tem razão, ainda mais porque prejudicou um infográfico (quadro informativo que mescla texto e ilustração para transmitir informações visualmente) com o título A Cadeia Produtiva do Forró.

Na segunda-feira passada, a explicação do Erramos era de que ocorreram problemas técnicos. Mas não disse que problemas foram esses. Com um pedido de desculpa, a explicação era de que a página não publicada falava sobre a cadeia produtiva do forró, uma explicação gráfica para entender as relações apresentadas na reportagem ‘O ritmo que movimenta milhões’. Um leitor perguntou onde estava o infográfico que ele não vira. De fato, apenas o fac-símile foi publicado e não dava para visualizar o conteúdo na edição impressa.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem