Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

VOZ DOS OUVIDORES > UOL

Tereza Rangel

11/12/2007 na edição 463

‘Esta é uma semana quente para quem gosta de estréias de cinema. São dez novos filmes em cartaz na cidade de São Paulo. Na hora de destacar os filmes que estrearão, o UOL fez uma escolha que está sendo criticada por internautas. Deixou por mais de 14 horas na home page, 10 das quais como a foto principal, imagem do filme ‘30 Dias de Noite’, de um vampiro ensangüentado.

‘Por que colocar uma foto de um vampiro com a boca cheia de sangue na página inicial quando tanta gente precisa mostrar seu talento? Que porcaria é essa?’

Fernando

‘Eu almejo muito que o reconhecimento pelo UOL seja cada vez maior, e brigo com unhas e dentes contra quem defenda outro provedor. No entanto, gostaria de alertar que as fotos do anúncio principal do site andam de um mau gosto extremo. Nesse exato momento (07/12/07, 00h45) exibe-se um close de um vampiro do filme ‘30 Dias de Noite’ extremamente bizarro, que destoa totalmente da concepção que eu tenho do UOL. Não sei se o desenvolvedor de plantão é aficionado por filmes de terror ou por amedontrar criancinhas sem sono, mas ele teima em colocar tais ‘atrocidades visuais’ (gostou da hipérbole?) como destaque em um site de tal porte.’

Fabricio

‘É a primeira vez que escrevo para vocês. Nunca tive uma reclamação. Porém, ao me deparar com a página inicial do UOL com essa ‘bela’ (?) fotografia de vampiro (‘30 Dias de Noite’) parece um pouco demais. Não tenho nada contra filmes de terror, mas quem quiser ver esse tipo de fotografia que procure pelas imagens no respectivo link.’

João Gabriel

De fato, a imagem do personagem é chocante. Quem nela clicou encontrou pouca informação sobre o filme. No item ‘mais sobre o filme’, o internauta foi levado a texto da Folha Online que era uma entrevista com o produtor Sam Raimi, na qual não se falou sobre o filme em si por mais de dois parágrafos. Soube-se ser baseado na bem-sucedida HQ homônima, de Steve Niles e Ben Templesmith, e que ‘‘‘30 Dias de Noite’ traz pouco do horror explícito -cabeças rolando, muito sangue’.

Além da decisão de escolher uma foto de gosto duvidoso, outro problema foi a falta de equilíbrio editorial na hora de divulgar os filmes a entrar em cartaz. O álbum de ‘Bee Movie’, a principal estréia da semana, mereceu apenas 6 horas de destaque e sempre no fim da fila do rotativo das fotos, atrás, inclusive, da publicidade, o que, apesar do horário diurno, diminui sobremaneira sua exposição. ‘Conduta de Risco’, com George Clooney, também esteve entre as últimas fotos a aparecer na home page. Os álbuns de estréias importantes, como ‘O Sobrevivente’, de Herzog, ‘3 Efes’, lançado em cinema, DVD, TV e Web, e ‘Across the Universe’, com música do Beatles, não mereceram destaque com foto na home.

A resposta da redação

O gerente geral de notícias do UOL, Rodrigo Flores, a quem agradeço, mandou a resposta que reproduzo abaixo.

‘Tereza,

Em semanas de muitas (e boas) estréias, destacamos não um, mas vários filmes. ‘Bee Movie’ ocupou o espaço de fotos rotativas na manhã de ontem. Havia também chamada em bloco de cinema para texto sobre participação de Jerry Seinfeld na animação. Agora, 17h30, é a vez do filme ‘Conduta de Risco’ estar entre as principais fotos do portal.

O filme ‘30 Dias de Noite’ é uma das estréias mais importantes da semana. Foi tema de uma reportagem de capa na edição de ontem do caderno ‘Ilustrada’, da Folha de S.Paulo.

A ordem na qual as fotos aparecem no espaço rotativo da primeira página do UOL depende da temperatura do noticiário. Em dias com muitas notícias, os eventos jornalísticos predominam. Em outros, assuntos de entretenimento ganham destaque. Foi o que aconteceu ontem.

Durante o final de semana voltaremos a destacar as estréias de cinema da semana. O assunto não se encerra na sexta-feira.’

Meu comentário

Destaco que a Folha de S.Paulo não usou a foto do vampiro ensangüentado na sua primeira página (nem sequer deu chamada para a entrevista com o produtor do filme) ou na Ilustrada. A foto usada em página interna do caderno cultural é muito mais palatável do que a destacada na home page do UOL.

A legenda da foto que mostra a adolescente na cela foi atualizada com essa informação.’

***

Tarifas bancárias: só o lado bom (6/12/07)

O UOL anunciou desde as 14h38, em manchete, decisão do CMN (Conselho Monetário Nacional) de restringir o número de tarifas bancárias a 20, a partir de abril de 2008. O tom das chamadas e das reportagens destacadas pela home page foi sempre positivo: ‘Governo restringe tarifas que bancos podem cobrar’; ‘Tarifas vão subir a cada seis meses; veja lista’; ‘Governo restringe número de tarifas bancárias a 20’; ‘Saiba quais serviços terão de ser gratuitos’; ‘Correntistas vão ganhar, diz Febraban’.

De fato, a notícia parece uma boa notícia. O jornalismo, porém, requer apuração capaz de esclarecer se o que se anuncia como positivo é realmente positivo. Deve procurar adiantar ao público o que vai acontecer na realidade. O UOL deu destaque apenas às versões do governo e da federação dos bancos, a Febraban, cujos discursos, por incrível que pareça, coincidem. ‘Eu acho que isso vai aumentar a concorrência e dar mais transparência’, afirmou Nelson Barbosa, secretário de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda. ‘Para nós, as medidas que o governo acaba de adotar contribuem para a maior transparência, maior comparabilidade e informação para o consumidor dos serviços bancários’, disse Ademiro Vian, assessor pleno da Febraban, a federação dos bancos.

Até por conta desse discurso único, o UOL deveria perseguir uma voz discordante, plural. Faltou repercutir com órgãos de defesa do consumidor, como Procon e Idec, para avaliar se as medidas vão, realmente, trazer benefícios. Será que o corte no número de serviços com tarifas não pode ser compensado com o aumento de juros, por exemplo? O que pode acontecer nos seis meses até a adoção das novas regras? Há risco de um aumento generalizado no valor cobrado pelas tarifas? Qual foi o bastidor para a decisão, que deixou os bancos satisfeitos?

***

Corações corintianos (4/12/07)

Desde que o Corinthians empatou com o Grêmio em Porto Alegre e foi rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro, a ombudsman tem recebido e-mails de internautas/torcedores para se queixar do UOL. A reclamação mais veemente refere-se à saída do brasão do time da página de UOL Futebol.

Retirada do brasão do Corinthians provoca reação em internauta/torcedor

‘Achei um desrespeito não encontrar o símbolo (ou escudo) do Corinthians na página sobre futebol da seção esportes. Até ontem sempre que acessava o UOL, clicava no escudo do Corinthians para ler as mais recentes notícias. É claro que agora estamos na segunda divisão, mas isto não significa que perdemos a importância e o peso econômico de uma torcida de mais de 30 milhões de pessoas. Agora mais do que nunca a marca Corinthians vai ser mais valorizada por sua torcida, nos momentos de maior desespero e agonia, é que vamos mostrar uma paixão ilimitada. Assim sendo me parece um erro muito grande tanto de estratégia como comercial o site UOL mostrar um menosprezo e pouco caso pelo Corinthians neste momento. Gostaria de propor que vocês voltassem atrás nesta decisão e que colocassem novamente o escudo do Corinthians na página de futebol da seção esportes.’

Davi

O desenho da página foi pensado para destacar os 20 times que disputam a primeira divisão. Assim, Corinthians, Juventude, Paraná Clube e América-RN tiveram seus brasões retirados, para que os quatro que ascenderam pudessem entrar: Coritiba, Ipatinga-MG, Portuguesa e Vitória. Não me parece desrespeito, ao contrário. Manter o escudo do Corinthians em detrimento de um dos quatro que subiram pareceria medida arbitrária.

Ciente da importância, tanto por conta da torcida como da história do time, a redação promoveu ainda ontem uma alteração na home page da estação (mais vista do que a de futebol) para que o brasão corintiano não ficasse fora. Mexeu no desenho da página e passou a incluir os 20 times que disputarão a Série B (entre eles o Corinthians), antes apenas acessíveis por meio de um drop-down. Afinal, sabe que a segunda maior torcida do país não pode ficar desamparada e que até o fato de ter caído aumenta o interesse jornalístico sobre o dia-a-dia do Corinthians. A home page de futebol, informa a redação, também será modificada, de modo a que o internauta/torcedor corintiano possa encontrar o escudo de seu time rapidamente.

***

Quando o internauta fica ‘na mão’ (3/12/07)

O site de publicação de vídeos do UOL ainda está em fase de testes. Mesmo assim, foi incluído na navegação da home page de duas estações: UOL Esporte e UOL Diversão e Arte. Nas duas, há uma grande caixa de destaque para a nova plataforma, sem nenhum aviso de que se trata de um produto ainda em fase experimental. Desavisado, o internauta ‘tem ficado na mão’ nos últimos dias, com um buraco na página e uma mensagem de ‘carregando’, por conta de instabilidades na nova plataforma. Hoje, houve períodos em que o carregamento levou mais de um minuto e meio para acontecer.

Ótimo haver mudanças e novidades. Ruim, porém, a adoção de um produto experimental sem a advertência de que poderá haver problemas. Péssimo não haver um ‘plano B’ para substituir a caixa vazia em caso de instabilidades mais prolongadas.

Instabilidade e falta de opção de troca deixam caixa vazia

‘Antes de fazermos uso da plataforma de Vídeos UOL, as equipes de produtos e tecnologia foram consultadas e ambas garantiram que a plataforma estava dimensionada para suportar grandes audiências’, disse a gerente geral de interface do UOL, Luciana Fernandes de Faria. Ela afirmou que hoje foi a primeira vez em que sua equipe detectou instabilidade nos vídeos das homes de Esporte e Diversão e Arte. ‘Estamos trabalhando na possibilidade de substituição dos blocos.’ A área de tecnologia disse que constatou problemas já na última sexta-feira e que está tratando-os.

Em respeito ao internauta, sugiro que a substituição da caixa vazia possa ocorrer rapidamente e que haja, nas homes de Esporte e Diversão e Arte, um aviso de que a novidade ainda está em fase de teste, do mesmo jeito que há na home de UOL Vídeos.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem